Veja alguns alimentos que ajudam mulheres com depressão pós parto

A depressão pós parto, se deve a mulher sentir diversas emoções variadas que chegam da alegria ao medo. As mães precisam lidar com as mudanças de hormonios que a privam do sono, tem o estresse emocional, e o choro compulsivo entre outros fatores.

Quem passa por essa situação, sente uma tristeza profunda, ansiedade, exaustão, desânimo e falta de esperança logo após o nascimento da criança. O vínculo com o bebê também pode ser afetado e algumas mães sentem rejeição à criança.
As causas para esse problema variam e estão associadas a fatores físicos, emocionais, estilo de vida e também histórico de outros problemas mentais.

Montamos uma pequena lista com alimentos que podem ajudar nesse processo, e até mesmo antes do nascimento do bebê para evitar.

Peixes:
Peixes são excelentes fontes de ômega 3, um tipo de gordura saudável, que melhora o humor de pacientes depressivos. Esse componente está envolvido na produção de diversos neurotransmissores como serotonina e dopamina, que aumentam a autoestima e o bem-estar do organismo.

Imagem: iStock

Ovos:
Os ovos são indicados por possuir triptofano, que auxilia na síntese e no controle da serotonina –responsável por proporcionar sensações de bem-estar. Além disso, o alimento é fonte de tiamina e niacina (vitaminas do complexo B), que contribuem para melhorar o humor.

Leite e derivados:
Alimentos como queijos, iogurte e leite também possuem grandes quantidades de triptofano. Além disso, são fontes de cálcio, mineral que contribui para reduzir a tensão, a irritabilidade e o nervosismo.

Por: Jennifer Rocha Vargas Fogaça

Chocolate amargo:
O chocolate amargo também é fonte de triptofano e seu consumo melhora o humor e combate a depressão. Além disso, ele ainda é estimulante e combate a fadiga e o estresse, tão comuns no pós-parto. Para evitar o excesso de açúcar e gordura trans, que aumentam a ansiedade, é melhor optar por chocolates que contenham alto teor de cacau (acima de 70%).

Carne vermelha:
Consumir carne vermelha magra é importante nessa fase devido à presença da vitamina B1 que é essencial na síntese de neurotransmissores relacionados ao bem-estar e na conversão de glicose em energia.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

Últimas notícias

Shopping Basket